top of page

Equipe do Hospital Monte Sinai realiza procedimento inédito para tratar trombose venosa profunda



Um procedimento, o terceiro realizado no país, salvou a perna e a vida de um paciente com múltiplas comorbidades e diagnosticado com uma complicação rara de trombose venosa profunda (TVP). E ele não poderia se beneficiar de drogas como anticoagulante, em função de ter doença renal crônica (DRC) e plaquetas baixas. Há pouco tempo, a única conduta possível para ele poderia ser uma amputação, com risco alto de óbito.


Conduzida pela equipe de Radiologia intervencionista do Monte Sinai, a técnica é chamada trombectomia mecânica, realizada em sala de hemodinâmica por abordagem endovascular minimamente invasiva, uma vez que não há cortes, apenas punção de uma veia da perna. O uso do dispositivo chamado ClotTriever permitiu tratar a TVP, sem medicamentos usados em outros casos para dissolver o trombo.


O paciente, de 83 anos, estava internado há dois dias em função de um quadro grave, diagnosticado como Flegmasia Cerúlea Dolens (FCD) que é uma complicação rara da TVP. A doença causa inchaço, dor e cianose, que poderia evoluir para amputação extensa da perna em função do trombo num dos principais vasos de uma das pernas. Além de diabético, hipertenso e com histórico de DRC, ele tem câncer de próstata e, portanto, um procedimento minimamente invasivo era a melhor chance de tratar o caso com o sucesso obtido.


O tipo de cateter usado neste procedimento acabou de chegar ao Brasil e a técnica utilizada posiciona um fio guia no local da lesão e com ajuda do dispositivo retira o coágulo, liberando o vaso, evitando que o trombo se desloque e provoque uma embolia pulmonar, por exemplo. No local, foi implantado um stent, permitindo o fluxo normal de sangue.


O procedimento foi realizado pela primeira vez em Minas, conduzido pelos médicos Rafael Gomide Alcântara, Magnum Matos, Thiago Abdala e Thaiza Filgueiras. Mesmo sendo tão novo e ainda raro no país, para o tratamento da doença foi liberado pelo plano de saúde do paciente. O relato de caso já está sendo utilizado em evento local e será descrito em artigo científico, visando ampliar a literatura médica para casos semelhantes.


26 visualizações0 comentário
Banner-Sidebar-Residencia-402x1024.jpg
Banner-Sidebar-Revalida-402x1024.jpg
Banner-Sidebar-Atualizacao-402x1024.jpg
MedFlix Zaza.png
bottom of page